Cultura

Sétimo olho | Claudio Daniel

dias-cutelo

de escuros dentro

flor de loucura

ou apenas corrosão

pele-nervos

pele-ossos

aquilo que canta dentro

na sombra

esterco a origem do mundo

a grande cloaca

do mundo

o ganido de cães

e pedras podres

outro eu, esqueleto de mim

escuros dentro

palavras ásperas

como lascas

temor tumulto

asco de tudo

no lado de fora

do crânio

escuros, desencaixe

de tudo, algaravias

o osso do agora

teus olhos

em meus lábios

folhas trêmulas

ao vento

e um dia,

    revolução

 

Claudio Daniel é poeta, ensaísta, tradutor e doutor em Literatura Portuguesa pela Universidade de São Paulo (USP). Realizou o pós-doutoramento em Teoria Literária pela Universidade Federal de Minas Gerais. Diretor adjunto da Casa das Rosas em 2007. Curador de Literatura e Poesia no Centro Cultural São Paulo entre 2010 e 2014. Foi colunista da revista CULT. Editor da Zunái, Revista de Poesia e Debates. Publicou os livros de poesia Letra negra (2010), Cores para cegos (2012), Esqueletos do nunca (2015), Portão 7 (2019), Cadernos bestiais (2019), Marabô Obatalá (2019) e romance Mojubá (2021), entre outros títulos.

Qual é a sua reação?

Gostei
0
Adorei
0
Sem certezas
0

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

Próximo Artigo:

0 %